Educação a Distância

O processo seletivo do EaD IFPR 2019 está oferecendo 8735 vagas em cursos técnicos para quem já tiver concluído o Ensino Médio, distribuídas em 70 cidades do Paraná. As inscrições podem ser feitas por meio do site www.ead.ifpr.edu.br até o dia 11 de novembro.

O ensino a distância utiliza em seus cursos técnicos um Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA) e conta com Núcleos de Tecnologia e Educação a Distância – Nutead e o auxílio das prefeituras parceiras para o desenvolvimento das atividades presenciais.

Para participar, é necessário ter disponibilidade para participar dos encontros presenciais e obrigatórios e para acompanhar e realizar as atividades no AVA. Uma vez por semana ocorrem os encontros presenciais, conforme o calendário acadêmico de cada curso.

Para o deputado Sérgio Souza, que trabalha pela expansão do ensino técnico e superior no Paraná, as novas vagas são uma oportunidade única. “No meu tempo de estudante, a gente tinha de sair da nossa cidade para avançar nos estudos na capital. Hoje, graças a esses cursos, os jovens podem permanecer perto de suas famílias e continuar a vida acadêmica, disse.

Cursos oferecidos:

  • Curso Técnico Subsequente em Administração

  • Curso Técnico Subsequente em Agente Comunitário de Saúde

  • Curso Técnico Subsequente em Logística

  • Curso Técnico Subsequente em Meio Ambiente

  • Curso Técnico Subsequente em Segurança do Trabalho

  • Curso Técnico Subsequente em Serviços Públicos

  • Curso Técnico Subsequente em Vendas

Inscrições gratuitas

Acesse: www.ead.ifpr.edu.br

Saiba mais sobre a distribuição de vagas: http://ead.ifpr.edu.br/wp-content/uploads/2018/10/Anexo-I-Quadro-de-Vagas.pdf

Vagas

Conforme as informações da inscrição, são criadas categorias para garantir e incentivar  que 80% das vagas sejam destinadas à inclusão: 60% delas são voltadas a estudantes de escolas públicas; 10% para candidatos negros ou pardos; 5% para indígenas; 5% para pessoas com deficiência.

A divisão das vagas para estudantes de escolas públicas garante que metade sejam ocupadas de acordo com a renda das famílias, de até um salário mínimo e meio, considerando a reserva de vagas proporcional para negros, pardos, indígenas e pessoas com deficiência.

Provas

Ocorrem entre os dias 19 e 23 de novembro de 2018, realizadas online no polo e aplicadas somente na cidade que oferta os cursos para os quais os candidatos se inscreveram.

Classificatórias: compostas de 40 questões, divididas em 15 de língua portuguesa, 15 de matemática e 10 questões de conhecimentos gerais.

O resultado final do processo seletivo será divulgado no dia 07 de dezembro de 2018, na página virtual da EaD.

Cidades que ofertam cursos:

  • Almirante Tamandaré
  • Antonina
  • Arapoti
  • Brasilândia do Sul
  • Cafelândia
  • Cambira
  • Corbélia
  • Faxinal
  • Francisco Alves
  • Goioxim
  • Guaíra
  • Icaraíma
  • Iretama
  • Itaipulândia
  • Ivaté
  • Jaboti
  • Jesuítas
  • Maria Helena
  • Marilândia do Sul
  • Marumbi
  • Matelândia
  • Mauá da Serra
  • Mercedes
  • Perobal
  • Pérola
  • Pinhalão
  • Porecatu
  • Quatro Pontes
  • Ramilândia
  • Ribeirão do Pinhal
  • Rio Azul
  • Rio Branco do Ivaí
  • Santa Tereza do Oeste
  • Sertanópolis

Dados

O número de estudantes matriculados em graduação à distância no Brasil cresceu 17,6%, entre 2016 e 2017. De acordo com o Censo da Educação Superior 2017, este foi o maior avanço em um ano desde 2008.

O Brasil totalizou 1,8 milhão de universitários estudando a distância, o que representa mais de 20% do total de graduandos em 2017, segundo dados do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep).

Somente em 2017, o país contabilizou 8.286.663 alunos no ensino superior e outros 4.248 em cursos sequenciais de formação específica. Em uma década de análise, o Censo registrou um aumento de três vezes mais estudantes que aderiram ao EaD, 226%.

 

Cadastre-se aqui




Gostou deste conteúdo? Faça um comentário!

avatar